Um aviso aos desavisados:

Esse blog é descompromissado, pode ser que não tenha postagens sempre, mas se tiver algo é sempre no DOMINGO.

E Capcom não me processa por usar tanto Mega Man.

Procure aqui:

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Contra (NES)



Como pedido de ThunderKXS, aí está CONTRA um clássico "run and gun","correr e atirar" (em uma tradução livre).
Contra e os supostos Stallone e Schwarzenegger.




Contra foi lançado para Arcade e NES (vamos falar desse) em 1987 (Arcade) e 1988 (NES) pela grande Konami.
O jogo:



Contra é um jogo de “correr e atirar” onde você controla um soldado de calça azul chamado Bill Rizer que, junto com seu parceiro de calças vermelhas Lance Bean, sai para destruir uma organização alienígena chamada Red Falcon e impedir que a Terra seja invadida. Estranho impedir que invadam a terra se a base alienígena já está na Terra.




O jogo é difícil, aliás toda série é conhecida por sua dificuldade elevada, tudo isso porque o game disponibiliza apenas 3 vidas para vencer 8 estágios, o que pode ser facilitado com a inserção do famoso código da Konami na tela título, aumentando esse limite inicial para 30.

Mesmo sendo um port, o jogo difere do Arcade  Para começar, os estágios 3 e 6 do original foram condensados nos estágios 2 e 5, diminuindo o número de fases de 10 para 8, os estágios também foram aumentados, contando aqui mais inimigos e desafios, os 4 estágios finais (Snowfield, Energy Zone, Hangar, e Alien Lair) deixaram de ser uma sequencia contínua como no Arcade e foram divididos no NES.

O clássicíssimo Primeiro Boss


Outra novidade é a introdução de um novo power-up. Além das 6 armas diferentes que os heróis podem usar, existe no NES uma “bomba limpa-tela”.
Os controles são simples e fáceis de aprender, os carinhas atiram em 8 direções e podem correr enquanto fazem isso, saltar pode ser um problema aqui, porque algumas plataformas são curtas e não é fácil controlar o salto acrobático do carinha, nada que alguns game-overs não ensinem.

Menu:

Hora de inserir o KONAMI CODE
Menu

Simples, com uma breve apresentação do jogo, seleção de quantidade de jogadores e oportunidade de se colocar códigos para o jogo.

Gráficos:




Graficamente, Contra é muito caprichado para um jogo 8 bits de 1988 (existia até uma fase Pseudo-3D), os designers se preocuparam bastante com detalhes tanto no fundo como nos próprios personagens e inimigos. A trilha sonora também é excelente, inserindo o jogador dentro do ritmo do game.
Contra_Gameplay3
Fases em Pseudo-3D, dor de cabeça de muita gente
Pseudo-3D

Curiosidades:


- O flyer japonês informa que o jogo acontece em dezembro de 2633.
- A versão japonesa tem uma abertura pequena que explica um pouco a historinha do game, essa abertura mostra que os alienígenas pousaram aqui numa ilha próxima a Nova Zelândia, 2 anos antes do game.
- Na versão americana, a Intro foi removida e o manual informa que o jogo acontece em ruínas da América Central… os heróis passaram a ser chamados de “Mad Dog” e “Scorpion”.
- A versão Européia também é diferente. Para começar, o jogo se chama Probotector e os guerreiros sem camisa agora são robôs.
Versão européia.

Fontes:

Adaptação de reviews da internet com elementos de autoria própria.

Avaliação geral:

Prós: Ótimo jogo mesmo com as diferenças do Arcade, divertido, boa jogabilidade.
Contras: Se torna muito difícil!

Download do jogo:


Importante: de acordo com a Lei nº 9.609/98, a ROM é legal apenas quando uma pessoa possui o cartucho do game original e quer utilizá-la como um Backup.